Ouro para o bem do Irã.

Sanções bancárias promovidas pelos EUA praticamente impedem que o Irã transacione seus produtos em dólar.

Isso tem trazido efeitos destruidores para o país que fica sem recursos suficientes para adquirir do estrangeiro bens essenciais como certos medicamentos, matérias-primas e equipamentos.

O governo iraniano tem procurado driblar esse tipo de sanções, através de diversos meios.

Um deles é receber em ouro o valor do gás natural exportado para a Turquia. E ouro é aceito como moeda em qualquer parte do mundo.

Trata-se de valores substanciais pois o Irã é o maior fornecedor de gás natural aos turcos.

Legalmente, os EUA não podem fazer nada pois suas sanções não proíbem esse tipo de negócio.

Mas eles podem pressionar a Turquia, usando seu inegável poder econômico.

Foi o que fizeram.

Não deu certo.

Em recente entrevista á imprensa, o ministro de energia turco, Taner Yildiz, declarou: “Autoridades turcas informaram a autoridades americanas que uma sanção contra a importação de gás natural do Irã significa , na verdade, impor sanções à Turquia; Ankara não apoia embargos unilaterais contra Teerã; Ankara precisa do gás natural do Irã.”

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *