20 desaparecidos pela CIA.

Bem no início do seu primeiro mandato, Barack Obama mandou fechar as “casas secretas” da CIA (black sites) espalhadas pelo mundo.

Era lá, e em prisões de alguns países sem lei, que suspeitos sequestrados no exterior foram mantidos presos e, em geral, torturados no mais rigoroso sigilo.

136 estavam nessas condições.

Uns foram soltos, outros processados, outros morreram.

E mais de 30 estavam estavam desaparecidos em 2009, conforme artigo da repórter investigativa Dafna Linzer, publicado no ProPublica. 

Os nomes e dados pessoais da maioria apareciam, mencionados explicitamente.

Em 13 de fevereiro deste mês, Cora Currier, editorialista do ProPublica, escreveu que 20 dos cidadãos aprisionados pela CIA ainda permaneciam desaparecidos.

Sequestrar e torturar suspeitos fica mal para um país democrático.

Mas, além disso, dar sumiço em 20 deles…

Obama não pode deixar isso passar batido.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *