Martini: um cardeal adiante do seu tempo.

“A Igreja está 200 anos atrasada”, declarou o cardeal de Milão, Carlo Maria Martini, ao Corriere  Della Sera, em sua última entrevista, antes de morrer.

Martini defendeu sempre idéias avançadas, revolucionárias, mesmo.

Pregava uma verdadeira renovação da Igreja Católica, partindo da constatação da sua situação atual.

“Nossa cultura está envelhecida, nossas igrejas são grandes e vazias, nossos rituais e nossas batinas são pomposas”, ele admitiu em sua entrevista.

E propôs; “A Igreja precisa admitir seus erros e começar uma mudança radical, partindo do papa e dos bispos. Os escândalos da pedofilia nos obrigam a promover uma jornada de transformação.”

E quais seriam as mudanças necessárias?

Aqui vão algumas delas.

Para Martini, o uso de camisinhas era aceitável em alguns casos, quando

um ou ambos cônjuges são  portadores de HIV.

Ele achava também que a Igreja deveria aceitar novos tipos de famílias “ou arriscar-se a perder seu rebanho.”

E explicou :  “Uma mulher abandonada por seu marido encontra um novo companheiro que cuida dela e de seus filhos. Um segundo amor acontece. Se esta família for discriminada, a atingida não será apenas a mulher,  mas também seus filhos. Dessa maneira, a Igreja perde a geração futura.”

Martini morreu aos 85 anos de idade.

No seu livro “Crer e Conhecer”, publicado pouco antes de sua morte, Martini defendeu os casamentos civis entre homosexuais:  “Discordo da posição daqueles que na Igreja são contra as uniões civis. Não é mal que, em vez de sexo casual entre homens, duas pessoas tenham uma certa estabilidade” e que “o estado a reconheça.”

 

 

1 pensou em “Martini: um cardeal adiante do seu tempo.

  1. Olá a tοdοѕ. Eu ѕó estavа a nаvegar na Internet por dіvеrsão e νeio em cіmа dе seu sіte.
    Рós fantásticо. Muito obrіgaԁo ρor cοmpaгtilhаr suа eхperіência!
    É bom ѕaber que algumаѕ pesѕoaѕ aіnԁa сoloсаr isso em um еsfοrçο parа gerenciar ѕeus sites.
    Eu vou ter a certeza dе νerificaг nοvamente

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *