Americanos: Snowden não é um traidor.

O governo Obama em peso insiste que Edward Snowden, o homem que revelou a violação da privacidade dos cidadãos dos EUA, é um traidor.

Mas a maioria dos americanos não concorda.

É a conclusão de recente pesquisa, realizada pela Universidade de Quinnipiniac.

O placar foi 51% contra 34%, que acreditam nas acusações da Casa Branca.

A mesma pesquisa mostrou que uma maioria, embora pequena, considera que as políticas anti- terroristas do governo foram “longe demais”.

Trata-se de uma grande mudança pois, em 2010, para a maior parte do povo, na proporção de 3 x 1, essas políticas seriam adequadas.

 

Parece que o povo americano está, gradualmente, repelindo o conceito de “guerra permanente”, que o força a aceitar amplas restrições em seus direitos.

 

Outra mudança na opinião dos americanos foi relativa à política externa do presidente Obama: ela é desaprovada por 52% x 40%.

 

Finalmente, ainda segundo a pesquisa Quinnipiniac, a maioria opõe-se ao intervencionismo do governo na guerra da Síria.

 

Apenas 33% aprovam o que Obama vem fazendo.

 

 

 

.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *