Hillary Clinton em declínio.

Nas primeiras pesquisas sobre as próximas eleições presidenciais americanas, Hillary Clinton se destacou.

Sua candidatura não tinha pra nenhum possível rival republicano.

Mas as coisas estão mudando.

Nova pesquisa mostra que nos últimos quatro meses, o prestígio da sra. Clinton entrou em parafuso.

Ela continua ganhando dos possíveis adversários do Great Old Party (Partido Republicano), mas por diferenças sensivelmente menores.

Contra o libertário Randy Paul, o placar foi de 54% x 40%, em abril, para 48% x 42%, em agosto. Portanto, Paul reduziu a diferença de 14% para apenas 6%.

Hillary vencia  Jeb Bush (irmão de George W.Bush),  por 55% contra 39%. Agora sua dianteira é bem menor: 48% x 41%.

Coincidência ou não, foi nesse período que a política democrata exibiu com maior clareza suas garras de falcoa.

Ela se opôs a um acordo de paz justo com o Irã, adotando a mesma posição de Netanyahu: proibição total dos iranianos enriquecerem urânio.

Aplaudiu de pé o bombardeio de Gaza pelo exército de Israel.

E condenou a política de Obama na Síria. Queria maior participação americana na revolta, mais armas para a oposição.

Apesar de tudo, Hillary Clinton continua favorita.

Deus salve a América.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *