Edward Snowden para Nobel da Paz.

Edward Snowden, que revelou a violação da privacidade de milhões de pessoas de todo o mundo pela espionagem americana, acaba de ser proposto para o Nobel da Paz.

E por um dos individuos qualificados para fazer indicações: Stevan Svalfors, professor de Sociologia da Universidade Umeá, da Suécia.

Svalfors considera que a ação de Snowden foi da mais alta importância, pois resultará na proteção das comunicações da humanidade por telefone e por computador, até agora grampeadas pelos EUA.

Ele afirma que Snowden estava perfeitamente correto ao tornar públicos fatos de uma ilegalidade flagrante.

Lembra que a defesa apresentada pelos nazistas no Julgamento de Nuremberg, “agi cumprindo ordens” não foi aceita pelos juízes dos exércitos aliados como justificação de atentados contra os direitos humanos.

Segundo o professor sueco, conceder o Nobel da Paz ao informante americano poderá recuperar em parte o respeito perdido quando Barack Obama foi premiado em 2009, numa decisão muito contestada.

De fato, nesse ano, o presidente dos EUA não tinha provado merecer a honraria. O que também não aconteceu nos anos posteriores.

Snowden não pode concorrer em 2013,  porque o prazo das indicações encerra-se sempre em fevereiro.

No entanto, em 2014, ele tem chance.

Para Svalfors, caso o Prêmio Nobel da Paz vá para Sonwden: “Seria mostrado ao mundo sua (do Nobel) disposição de erguer-se em defesa das liberdades e dos direitos humanos, mesmo quando essa defesa seja vista de forma desfavorável pelo poder militar dominante no mundo.”

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *