Acordo com o Irã: hora da Europa confrontar os EUA.

Aconteceu o esperado, Trump negou-se a certificar o Irã e passou a bola para o Congresso. Em termos, porém: The Donald advertiu que, caso o Congresso isoladamente, ou em conjunto com os países aliados não apresentarem mudanças significativas, Trump romperia o acordo, através de uma ordem executiva.

Continuar lendo

Trapaça de Trump contra o Irã.

O acordo nuclear do Irã com os chamados P5+1 (EUA ,Reino Unido, Alemanha, França, Rússia e China) é inspecionado regularmente pela Agência Internacional de Energia Atômica (IAEA). Até agora Teerã tem cumprido escrupulosamente as obrigações assumidas.

Continuar lendo