Por fim, a Europa levantou a luva.

Em 2008, em Berlin, falando para 200 mil pessoas, Barack Obama afirmou sua crença em “aliados que prestam atenção uns aos outros, que aprendem com cada um, que, acima de tudo, confiam uns nos outros.”

Continuar lendo